Texto por Colaborador: Redação 17/09/2023 - 18:45

Desconhecido do torcedor, Hugo Mallo precisou de pouco tempo para retribuir a confiança de Eduardo Coudet e ganhar espaço no Beira-Rio. Lateral-direito de origem, o espanhol mostrou qualidade também como zagueiro, aproveitando a brecha deixada por Vitão e podendo se consolidar entre os titulares.

O ex-Celta de Vigo foi anunciado pelo Colorado em 14 de agosto. Estreou cinco dias depois, na derrota por 1 a 0 para o Fortaleza, na abertura do returno do Brasileirão. Foi a única partida em que começou no banco. Na ocasião, inclusive, entrou na vaga de Vitão, mas rumou à lateral, enquanto Igor Gomes formou a parceria com Nico Hernández.

Não atuou no compromisso seguinte, a vitória por 1 a 0 sobre o Bolívar na altitude de La Paz, mas foi titular nos quatro jogos posteriores: empate sem gols com o Flamengo, vitória por 2 a 0 sobre o Bolívar, igualdade em 0 a 0 com o Goiás e vitória por 2 a 1 no São Paulo. Detalhe: apenas diante do Fla jogou como lateral-direito.

Mesmo com apenas 1,74m de altura, 11 centímetros a menos que Vitão, o espanhol mostrou senso de posicionamento e qualidade na saída de bola para manter o padrão do sistema defensivo: com ele em campo a equipe registrou apenas 2 gols sofridos, uma média de 0,40 por jogo, com 3 jogos sem sofrer gols, além de um aproveitamento de 53,33%. Já com Vitão, a equipe tem 1,79 de gols sofridos por jogo, com um aproveitamento de 57,89%, mas em uma gama de jogos bem maior.

Por fim, com Mallo no miolo da defesa, o SCI não foi derrotado e sofreu apenas um gol no período. Os números e as boas atuações tornam o espanhol candidato a seguir no time, mesmo que Vitão tenha sido liberado pelo departamento médico nos últimos dias.

Categorias

Ver todas categorias

Tu gostou da nova camisa titular de 2024?

Sim

Votar

Não

Votar

298 pessoas já votaram