Texto por Colaborador: Redação 13/09/2022 - 05:07

O jornalista Paulo Vinicius Coelho, em seu blog no GE, comentou o tropeço do Flamengo no encerramento da 26° rodada. Com o Inter assumindo o segundo lugar, ele “comemorou” o fato de os clubes mais ricos do Brasil seguirem tropeçando.

"O Flamengo parecia ser o time a ser batido, de novo. Dorival Júnior escalou reservas em duas partidas chave seguidas e empatou duas vezes, contra Ceará e Goiás. Perdeu a chance de diminuir a distância para o líder para cinco pontos e a viu voltar aos nove pontos, com o Internacional, em segundo. Detalhe: o Inter é o único com confronto direto com o Palmeiras, na última rodada, quando, imagina-se, o Palmeiras já possa ser o campeão. Pode ser, se o destino não nos pregar novas surpresas.

A gente vive aqui neste eterno dilema. Queremos ser a Europa, a organização, a quantidade de craques. Mas temos (ainda) o que eles não têm: equilíbrio e imprevisibilidade. O Bayern é campeão na Alemanha há dez anos seguidos, a Juventus foi por nove anos seguidos, o Manchester City ganhou quatro dos últimos cinco Campeonatos da Inglaterra, o Real Madrid venceu três dos últimos seis, na Espanha.

“No Brasil, houve seis campeões nos últimos dez anos, mais do que na Alemanha (um), Espanha (três), Portugal (três), Itália (três) e França (três). Igual à Inglaterra, de Manchester United, Leicester, Chelsea, Manchester City e Liverpool.

“Aqui ainda não é a Alemanha. Que bom! O Flamengo empata com o Goiás e o Palmeiras sofre para ganhar do Juventude (...) E pode esperar que a próxima rodada vai aprontar novas e boas surpresas. Precisa melhorar organização, público, qualidade. Mas não se pode perder o equilíbrio e a imprevisibilidade", escreveu.

O Flamengo - que não saiu do empate em 1 a 1 com o Goiás - somou o terceiro tropeço em uma sequência de quatro partidas.

VEJA NÚMEROS DO FLAMENGO NOS ÚLTIMOS 4 JOGOS:
1 vitória
3 empates
4 gols marcados
3 gols sofridos
5 grandes chances criadas
3 grandes chances cedidas
33 chutes (18 no gol)
36 chutes sofridos (12 no gol)