Texto por Colaborador: Redação 13/05/2024 - 00:07

Em virtude do estado de calamidade pública no Rio Grande do Sul, decretado pelos Governos Federal e Estadual, decorrente dos eventos climáticos extremos ocorridos, a CBF adiou no dia 6 de maio todas as partidas envolvendo equipes gaúchas nas competições nacionais (Brasileiro Séries A, C e D, Copa do Brasil, Feminino A1, A2 e A3, e de base) como mandante ou visitante, previstas até o dia 27 de maio de 2024.

Tal decisão foi baseada no ofício no. 57/2024, oriundo da Federação Gaúcha de Futebol (FGF), que encaminhou e endossou o pleito dos seus clubes filiados. Segundo apurou a ESPN, continua descartando uma paralisação imediata do Brasileirão.

NO domingo (12), a CBF convocou uma reunião do Conselho Técnico Extraordinária para o dia 27 de maio. Na conferência, os clubes vão deliberar sobre aspectos técnicos das competições bem como a situação de registro e transferência de atletas, questões jurídicas com relação aos acessos às competições internacionais como Libertadores, Sul-Americana e Mundial de Clubes e questões de direitos de transmissão e patrocínios.

A entidade comunica que todos os seus diretores das áreas específicas vão participar da reunião para facilitar ao máximo a deliberação dos clubes. No Rio Grande do Sul, todavia, a expectativa é enorme por uma decisão sobre a possibilidade de paralisação das competições por causa da situação crítica do Estado.

Ainda de acordo com a apuração ESPN, os clubes que se posicionaram publicaram a favor da paralisação não se opõem à decisão da entidade. Além disso, Ednaldo Rodrigues estará fora do país nos próximos dias. Ele viajará nesta segunda-feira (13) para a Tailândia, onde acontecerá um Congresso Técnico da Fifa envolvendo a definição da Copa do Mundo feminina de 2027.

Qualquer decisão a ser tomada sobre o futebol brasileirão não acontecerá com Ednaldo longe. O cartola retorna ao país apenas no próximo fim de semana. Além disso, mesmo com alguns clubes respondendo informalmente suas posições sobre paralisar ou não a competição. Na avaliação da CBF, a posição dos clubes é que vai definir a paralisação ou não das competições. E até a noite de domingo poucas respostas foram enviadas pelos clubes após o pedido da entidade de posicionamento oficial sobre o adiamento de todas as rodadas.

Categorias

Ver todas categorias

Tu gostou da nova camisa titular de 2024?

Sim

Votar

Não

Votar

186 pessoas já votaram