Texto por Colaborador: Redação 06/11/2022 - 00:15

Confira um compilado com as principais declarações do técnico Mano Menezes após o duelo diante do Athletico-PR (2x0) deste sábado (5), em partida pela 36° rodada do Brasileirão:

DECLARAÇÕES

Vitória e atuação: "Jogamos dentro das nossas características. Tomamos a iniciativa do jogo, desde o início. Encontramos um pouco de dificuldade na primeira parte, porque como vocês devem ter visto, o Athletico faz uma marcação individual e a gente fez um pouquinho de força demasiada. Na segunda parte, fomos mais inteligentes (...)  "Esperávamos um jogo com essas características. Jogamos com o vice-campeão da Libertadores, não jogamos com um adversário qualquer. Quando você vem de uma competição como essa, você tem um nível de disputa forte (...) A equipe está de parabéns por manter o comportamento para fazermos os jogos finais."

"Eu já ouvi que eu sempre jogava do mesmo jeito. Então, quando acontece essas coisas, vem a comprovação, dentro do campo, que a gente tem alternativas. Hoje, foi por 3 zagueiros, porque estavam jogando bola na nossa área".

"Quando ele saiu (Johnny), colocamos 3 jogadores centrais porque estavam alçando muitas bolas na nossa área. Pudemos abrir bastante os nosso laterais."

Briga pelo vice: "Não conseguimos a primeira porque o adversário maior de todo mundo fez um campeonato espetacular e conquistou o título. Estamos nos mantendo na segunda há bastante tempo. O Palmeiras fez um grande campeonato, mas a segunda, terceira, quarta posição estão sendo disputadas. Estamos nos mantendo por mérito (na vice-liderança), não é só pelo vice, mas, sim, por entregar o melhor até o final."

Expectativas para 2023: "Temos uma conversa muito clara. Quando falamos sobre renovação, o que mais falamos foi sobre isso (planejamento), essa é a parte mais importante na segunda parte do trabalho. As expectativas vão ser maiores, as cobranças também, temos de nos preparar para isso, criamos uma esperança, terminamos a temporada bem, apontando para um ano melhor. Sem pressão demasiada para isso ou para aquilo."

Sobre manter o elenco ou se reforçar: "Uma coisa não exclui a outra. Mantém-se o máximo daquilo que pode se manter. E a partir daí, pontualmente se encontra alguns reforços importantes, que com certeza vamos conseguir trazer."

Jejum de gols do Alemão: "Quando isso acontece, você tem que entregar mais para a equipe. E hoje, na segunda parte do jogo, Alemão entregou muito para a equipe. Depois, as coisas naturalmente voltam ao seu caminho."

Daniel não ser relacionado: "Não, nenhuma. A escolha foi técnica. Temos excelentes goleiros e preparar eles para uma condição de ambiente, ver o comportamento. Tudo isso vai influenciar em decisões futuras."

Sobre pedir o apoio do torcedor: "O torcedor tem o seu comportamento. Acho que o horário do jogo de hoje era terrível. Para uma equipe que não disputa mais o título, o torcedor tem as suas razões. A gente entende. Se o jogo fosse 16h, teríamos outra realidade".

Sobre enfrentar o São Paulo: "Tivemos um jogo muito parelho aqui no primeiro turno, um 3 a 3. Sabemos que o adversário é grande, mas nós também vamos ser grandes, como tentamos ser em todos os jogos fora de casa."

Sobre preocupação com Johnny: "Se tivermos que colocar um volante, coloco o Matheus Dias, sem problema nenhum. O time está bem de comportamento, os meninos sabem como tem que entrar. Confiamos em todo mundo e assim vai ser até o final."

Vitão: "Já disse que se estivesse em centros mais observados já estariam falando com mais força sobre ele. Acho um excelente jogador, acho que temos uma excelente composição para a função."

Disputa entre Wanderson e PH: "Vejo com naturalidade a disputa quando se tem dois jogadores de qualidade na posição. Quanto melhor eles forem, mais alto vai ser o nível da disputa, e nós vamos sair ganhando."

Categorias

Ver todas categorias

Alemão demonstrou capacidade suficiente para ser o n°9 titular em 2023?

Sim

Votar

Não

Votar

203 pessoas já votaram