Texto por Colaborador: Redação 24/05/2022 - 00:00

 O Espião Estatístico, do GE, divulgou nesta segunda um dado interessante relacionado ao início da Série A 2022, o mais acirrado das últimas décadas,  já que apenas seis pontos separam o líder do 16º colocado, diferença nunca registrada para a sétima rodada. 

De acordo com levantamento do portal, pela primeira vez o líder tem apenas 66,7% de aproveitamento (o que já aconteceu em 2004 e 2018) ao mesmo tempo em que o primeiro time fora da zona do rebaixamento tem aproveitamento de 38,1% (o que já ocorreu nas temporadas 2003 e 2006).

As menores diferenças de pontos entre líder e primeiro time fora da zona de rebaixamento eram de sete pontos, registrados em 2004 e 2018. Em 2004, o Criciúma tinha 14 pontos após sete jogos (o São Caetano tinha a mesma campanha, mas foi punido com a perda de dez pontos), e o Corinthians era o 16º colocado, com sete pontos em sete jogos. Em 2018, o Flamengo era o líder com 14 pontos, e o Santos era o 16º com sete pontos. 

Categorias

Ver todas categorias

Mano deve permanecer em 2023?

Sim

Votar

Não

Votar

173 pessoas já votaram