Texto por Colaborador: Redação 13/05/2022 - 00:00

O jornalista Danilo Lavieri, do UOL, divulgou novas informações sobre o racha entre os clubes das Séries A e B do Brasileirão acerca da formação da liga. De acordo com o jornalista, Fluminense, Fortaleza e Athletico-PR são vistos pelos integrantes da Libra como os maiores opositores da ideia.

Ainda segundo o repórter, os times que não assinaram com a Libra contrataram uma consultoria que fará uma apresentação na reunião da próxima segunda-feira (16), no Rio de Janeiro. O estudo está sendo conduzido pela LiveMode e pela Alvarez & Marsal e tem como objetivo mostrar como é feita a divisão de receitas em outras ligas pelo mundo.

Assim, os clubes dissidentes poderão comparar com o que foi proposto por Flamengo, Corinthians, São Paulo, Palmeiras, Santos, Red Bull Bragantino, Cruzeiro, Vasco da Gama e Ponte Preta, todos eles representados pela Codajas Sports Kapital, empresa de Flávio Zveiter.

A grande questão dos que não concordaram em entrar na Liga do Futebol Brasileiro é a divisão financeira. Eles admitem que podem receber menos do que Flamengo e Corinthians, por exemplo, já que os dois têm mais torcida e faturam mais. Mas também querem que essa diferença seja de no máximo 3,5 vezes entre o que mais ganha e o que menos arrecada.

Na reunião da próxima segunda-feira (16), há a confirmação da presença dos seguintes clubes: América-MG, Chapecoense, Atlético-GO, Avaí, Brusque, Ceará, CSA, Athletico, CRB, Náutico, Coritiba, Criciúma, Cuiabá, Juventude, Fluminense, Fortaleza, Goiás, Londrina, Operário, Sampaio Corrêa, Sport, Tombense e Vila Nova. Todos eles assinaram uma carta conjunta recentemente e boicotaram a reunião previamente marcada pela Libra para hoje na sede da CBF.

Além deles, também há a expectativa pela presença de Botafogo, Atlético-MG, Internacional, Grêmio, Guarani, Bahia, Novorizontino e Ituano. Esses são os que não assinaram a Libra, mas também não estiveram no último manifesto dos dissidentes e ainda não definiram um lado. Atlético-MG e Internacional, inclusive, trabalham como mediadores e tentam aproximar os dois lados.

Categorias

Ver todas categorias

Tu gostou da nova camisa titular de 2022?

Sim

Votar

Não

Votar

562 pessoas já votaram