Texto por Colaborador: Redação 21/01/2022 - 00:00

A FIFA anunciou na quinta-feira (20) que está prestes a implementar novos regulamentos em torno dos empréstimos de jogadores no futebol internacional.

Os novos regulamentos serão submetidos ao Conselho da FIFA para aprovação em sua próxima reunião, com vistas à sua entrada em vigor em 1º de julho de 2022. A intenção é disciplinar o mercado e evitar que clubes com muito poder financeiro acumulem atletas mesmo sem ter a intenção de utilizá-los em seus times.

A FIFA afirma que a nova estrutura para empréstimos de jogadores visa continuar seu objetivo contínuo de reformular o sistema de transferências. Os fundamentos desta nova estrutura têm três objetivos principais, incluindo:

  • Desenvlolvimento de jovens jogadores
  • Promover o equilíbrio competitivo
  • Evitar o acúmulo de jogadores

Para garantir que esses objetivos sejam alcançados, o novo marco regulatório incluirá:

- A exigência de um acordo escrito que defina os termos do empréstimo, nomeadamente a sua duração e condições financeiras
- Uma duração mínima do empréstimo, sendo o intervalo entre dois períodos de registro, e uma duração máxima do empréstimo, sendo um ano
- A proibição de subempréstimo de um jogador profissional que já está emprestado a um terceiro clube
- Uma limitação no número de empréstimos por temporada entre os mesmos clubes: em qualquer momento durante uma temporada, um clube só pode ter um máximo de três profissionais emprestados a um único clube e um máximo de três profissionais emprestados de um único clube
- Uma limitação no número total de empréstimos de um clube por temporada
- Para garantir que os clubes tenham tempo suficiente para se ajustar a esses novos regulamentos, a FIFA revelou que haverá um período de transição de 1º de julho de 2022 a 30 de junho de 2023.

Durante esse período, um clube pode ter no máximo oito profissionais emprestados e oito em empréstimo a qualquer momento durante uma temporada. Após esse período, a nova regulamentação de empréstimos evoluirá da seguinte forma:

- De 1 de julho de 2023 a 30 de junho de 2024, aplica-se a mesma configuração mas com um máximo de sete profissionais.
- Finalmente, a partir de 1 de julho de 2024, a mesma configuração será aplicada, mas limitada a um máximo de seis profissionais.
- Jogadores com 21 anos ou menos e jogadores treinados em clubes estarão isentos dessas limitações.
- A nível nacional, as federações-membro da FIFA terão um prazo de três anos para implementar regras para um sistema de empréstimos que esteja em linha com os princípios estabelecidos a nível internacional.

Categorias

Ver todas categorias

Tu gostou da nova camisa titular de 2022?

Sim

Votar

Não

Votar

549 pessoas já votaram