Texto por Colaborador: Redação 14/05/2022 - 02:56

De acordo com informações do LANCE, através dos jornalistas Fábio Lázaro e Rafael Ribeiro, então neutro nas negociações para tratar sobre a criação da Liga Brasileira de Clubes, o Grêmio deve ser o 11º integrante da Libra. De acordo com o portal, o presidente do Tricolor, Romildo Bolzan Júnior, é aguardado em São Paulo (SP) na próxima segunda-feira (16) para assinar a filiação ao grupo.

A entrada da equipe do Humaitá se soma ao Botafogo, que anunciou na sexta (13) que também aderiu ao bloco que já conta com todos os clubes paulistas da Série A além de Vasco, Flamengo, Cruzeiro e Ponte Preta.

A adesão do Grêmio à Libra é um importante passo para a Liga, visto que pelo estatuto da CBF, eles precisam de pelo menos 13 adesões (um terço dos 40 clubes que participam das séries A e B) para serem oficializados.

Com a entrada do Grêmio, somente Internacional, Atlético-MG, Guarani, Ituano, Novorizontino e Bahia permanecem sem apoiar nenhum dos dois lados.

O estatuto da Liga assinado pelos paulistas e o Flamengo prevê que 40% da receita seja dividida igualmente entre todos os participantes da competição, 30% de acordo com performance e outros 30% por engajamento. Esse último item é definido por critérios como média de público no estádio, base de assinantes de pay-per-view, número de seguidores e engajamento em redes sociais, audiência na televisão aberta e tamanho da torcida.

O Forte Futebol é contra alguns desses critérios de engajamento. E quer que seja reproduzida a divisão adotada na Premier League, da Inglaterra: 50% igualmente, 25% por performance e 25% da receita nos critérios de engajamento, que poderia ser rediscutida adiante.

Categorias

Ver todas categorias

Tu gostou da nova camisa titular de 2022?

Sim

Votar

Não

Votar

561 pessoas já votaram