Texto por Colaborador: Redação 26/12/2022 - 03:28

A falta de grande decisões e as poucas chances na Série A - mesmo com o vice-campeonato - parecem ter pesado na hora de levar o torcedor colorado ao Gigante. 

Segundo levantamento realizado pela empresa Pluri Consultoria, o Colorado registrou apenas a 8° maior arrecadação em bilheteria em jogos como mandante no Brasil, somando R$ 28,9 milhões em 30 partidas

A péssima colocação coloca o Inter atrás até mesmo do Cruzeiro, que disputando a Série B, somou R$ 34,2 milhões (em 28 jogos). Já em comparação ao líder, Flamengo, a diferença foi gigantesca, com os cariocas registrando R$ 103,8 milhões (em 39 jogos, grande parte deles decisivos). O segundo e terceiro colocado são Corinthians e Palmeiras, com R$ 93,3 e R$ 82,8 milhões, respectivamente. É importante destacar que os dados são referentes à renda bruta total de cada embate.

VEJA O RANKING:
1. Flamengo – R$ 103,8 milhões (39 jogos)
2. Corinthians – R$ 93,2 milhões (36 jogos)
3. Palmeiras – R$ 82,8 milhões (37 jogos)
4. São Paulo – R$ 66,2 milhões (39 jogos)
5. Atlético-MG – R$ 47,1 milhões (34 jogos)
6. Cruzeiro – R$ 34,2 milhões (28 jogos)
7. Fluminense – R$ 30,4 milhões (36 jogos)
8. Inter – R$ 28,9 milhões (30 jogos)
9. Grêmio – R$ 25,3 milhões (27 jogos)
10. Athletico-PR – R$ 19 milhões (37 jogos)
11. Fortaleza – R$ 18,9 milhões (36 jogos)
12. Vasco – R$ 16,1 milhões (26 jogos)
13. Bahia – R$ 15,4 milhões (30 jogos)
14. Botafogo – R$ 13 milhões (28 jogos)
15. Cuiabá – R$ 12,8 milhões (32 jogos)
16. Coritiba – R$ 11,9 milhões (28 jogos)
17. Ceará – R$ 11,5 milhões (33 jogos)
18. Sport – R$ 11,4 milhões (32 jogos)
19. Santos – R$ 11,3 milhões (31 jogos)
20. Atlético-GO – R$ 8,1 milhões (37 jogos)