Texto por Colaborador: Redação 01/10/2022 - 17:00

Se o Inter encerrou a 28° rodada em um cenário depressivo, desta vez o Beira-Rio demonstrou sua tradicional alegria, em uma linda tarde de sol com mais de 30 mil pessoas na capital gaúcha. Em um horário incomum, o Colorado superou um difícil time do Santos, saindo com o triunfo após 90 minutos de consistência e bom futebol. Contando com uma formação diferente em relação ao meio da semana, o Clube do Povo teve Maurício e Johnny entre os XI, enquanto Moledo repôs o suspenso Mercado com maestria. Bastante superior no primeiro tempo, a esquadra vermelha poderia ter saído com uma vantagem até maior, enquanto que no segundo contou com sua fortaleza defensiva para ter em Keiller um mero espectador. Com o placar o SCI voltou ao segundo lugar, ultrapassado o Fluminense e chegando aos 53 pontos.

A etapa inicial contou com uma apresentação de qualidade pelo lado colorado. Marcando com eficiência o excelente trio de ataque santista - composto por Soteldo, Marcos Leonardo e Angelo - a esquadra de Mano Menezes explorou os espaços pelas alas, criando - além do gol - uma chance clara com Bustos, livre, dentro da área. Com Keiller intervindo em uma única finalização perigosa em belo disparo de fora da área, as equipes foram ao intervalo com poucas finalizações (5x3) mas num duelo agradável e com superioridade gaúcha. No retorno dos vestiários, o panorama mudou substancialmente, com o Peixe dominando a posse de bola e o SCI tentando explorar os contra-ataques. Vendo o jogo mais perigoso, Mano interviu com inúmeras mudanças, enquanto o embate se desenrolou sem grandes chances para cada lado, com exceção de um disparo à queima-roupa de Braian Romero. No global, 8 finalizações alvirrubras e 7 alvinegras, em um triunfo mais que justo pelo rendimento das equipes.

Agora o Saci visita o Flamengo na próxima quarta-feira (5), às 21h30, no Maracança.

LANCES DO JOGO 

DESTAQUE POSITIVO: DE PENA, GABRIEL

FICOU DEVENDO: RENÊ

FICHA TÉCNICA & CURIOSIDADES

Categorias

Ver todas categorias

Alemão demonstrou capacidade suficiente para ser o n°9 titular em 2023?

Sim

Votar

Não

Votar

203 pessoas já votaram