Texto por Colaborador: Redação 24/01/2024 - 03:00

O Inter foi apontado com oo 5° clube mais valioso do país, primeiro do Sul, enquanto o Grêmio, está em terceiro a nível regional e somente 11° nacionalmente. Em estudo divulgado pela consultoria Sports Value, na terça-feira (23), o Flamengo apresenta valorização e segue na liderança do ranking pelo quarto ano consecutivo. O Mengão foi avaliado em R$ 4,516 bilhões, único que superou a marca de 4 bilhões de reais.

TOP 30 times somados em 2023 apresentaram valuation de R$ 33,2 bilhões, mesmo valor de 2022. Muitos times subiram, outros caíram, por conta de rebaixamentos. Em dólares houve um aumento do valuation de 13%, um valor total de US$ 6,8 bilhões. Para chegar ao valor final, a Sports Value se baseia em uma série de itens. O cálculo inclui desde patrimônio (dinheiro em caixa, estádio próprio, centro de treinamento) ao valor da marca (potencial de mercado, tamanho de torcida e receitas). Também são somados receitas a partida de registos em Federações e na CBF, das quais os direitos de transmissão fazem parte. Por fim, a empresa utilizou a plataforma Football Benchmark para precificar os elencos dos clubes brasileiros.

Avaliado em 2.124 bilhões, o SCI teve uma variação para cima de 21% em relação aos últimos 3 anos. Os motivos? conforme o levantamento, a força do clube está em deter uma parte do novo Beira Rio no ativo imobilizado. Queda de 8% veio do valor do plantel.
Receitas operacionais atingiram R$ 294 milhões em 2022, e com os jogadores chegaram a R$ 467 milhões. Receitas operacionais caíram 4% em 4 anos. Custos com futebol em 2022 foram de R$ 389 milhões. Ativo Total de R$ 1,2 bilhão e dívidas de R$ 633 milhões.(sem estádio)

A nível geral, o Flamengo é o principal clube em todos os quesitos, o que torna natural a liderança no ranking. Mas o crescimento de 57% nos últimos quatro anos chama a atenção. Afinal, o clube atingiu patamar muito superior aos adversários, principalmente financeiro, e mesmo assim consegue expandir essa vantagem todos os anos.

Nem mesmo equipes que levantaram taças em 2023 e com valor bem inferior ao do Fla conseguiram crescimento similar. São Paulo e Fluminense, campeões de Copa do Brasil e Libertadores de 2023, aumentaram seus valores em 25% e 39%, respectivamente, aos longo dos últimos quatro anos. A equipe que mais valorizou no período foi o Red Bull Bragantino, que saltou de R$ 872 milhões para R$ 1,187 bilhão (219%).

Principal adversário do Flamengo nos últimos anos e atual campeão brasileiro, o Palmeiras aparece na segunda colocação com uma avaliação de R$ 3,573 bilhões. Quem completa o pódio é Corinthians, com R$ 3,071 bilhões.

Veja o ranking de clubes mais valiosos do Brasil e a variação entre 2020 e 2023:
Flamengo: R$ 4,516 bilhões (+57%)
Palmeiras: R$ 3,573 bilhões (+63%)
Corinthians: R$ 3,071 bilhões (+35%)
Atlético-MG: R$ 2,953 bilhões (+74%)
São Paulo: R$ 2,214 bilhões (+25%)
Internacional: R$ 2,124 bilhões (+21%)
Athletico-PR: R$ 2,090 bilhões (+25%)
Fluminense: R$ 1,449 bilhão (+39%)
Red Bull Bragantino: R$ 1,187 bilhão (+219%)
Santos: R$ 1,184 bilhão (+31%)
Grêmio: R$ 1,037 bilhão (-33%)
Cruzeiro: R$ 766 milhões (-8%)
Fortaleza: R$ 636 milhões (+150%)
Botafogo: R$ 598 milhões (-1%)
América-MG: 582 milhões (+82%)
Coritiba: R$ 565 milhões (+23%)
Vasco da Gama: R$ 503 milhões (-47%)
Sport: R$ 468 milhões (+14%)
Bahia: R$ 459 milhões (-17%)
Atlético-GO: R$ 450 milhões (+179%)
Ceará: R$ 420 milhões (+62%)
Goiás: R$ 339 milhões (-2%)
Cuiabá: R$ 311 milhões (+122%)
Guarani: R$ 293 milhões (+4%)
Santa Cruz: R$ 263 milhões (-10%)
Avaí: R$ 262 milhões (+12%)
Náutico: R$ 246 milhões (-7%)
Ponte Preta: R$ 241 milhões (-13%)
Juventude: R$ 218 milhões (+122%)
Portuguesa: R$ 184 milhões (-)

Categorias

Ver todas categorias

Você está otimista para a temporada 2024 do Inter?

Sim

Votar

Não

Votar

232 pessoas já votaram