Texto por Colaborador: Redação 16/06/2022 - 00:09

Confira um compilado com as principais declarações do técnico Mano Menezes após o duelo diante do Goiás (2x1) desta quarta-feira (15), em partida pela 12° rodada da Série A:

Vitória e atuação: "A equipe se comportou bem e fez um início de jogo, Embora tenha tomado uma bola no poste de novo, fizemos uma partida consistente, melhor do que o último jogo fora. Sempre é importante sair na frente. Tomamos um gol de bola parada. Era uma arma que esperávamos do Goiás. Eles têm um time alto. Tivemos a força. Voltamos bem e tivemos um jogo mais estável, mais controlado e merecemos a vitória".

"Hoje, era um momento de estabilidade, depois de uma vitória contra o Flamengo. Estamos em um momento de estabilidade. O jogo exigia um pouco de força física, era um time alto. O importante é que quem entre, entre bem."

"Aprender a valorizar o que a gente conquista. É sempre difícil jogar aqui. Para nós, gaúchos, ainda mais, pela diferença do clima. E a equipe se comportou bem."

“Para permanecer em cima você precisa ter elenco. Eu queria implementar um estilo de jogo, para que todos saibam o que deve ser feito quando entrarem (...) O que a gente quer, num primeiro momento, é dar uma ideia de jogo pra que todos entendessem e pudessem entrar e, quando entrassem, ir bem.  Moisés não vinha jogando com tanta frequência e entrou bem. Johnny fez um jogo muito bom. No jogo passado Pedro Henrique entrou bem. Temos que estar nesse nível para estarmos tranquilos."

Gols sofridos por cima: "Todo mundo toma gol de bola aérea. Não pode tomar muito. Não se pode tomar mais do que se faz. É isso que faz com que a equipe fique na parte de cima. Hoje jogamos contra uma equipe difícil de marcar. É uma das características deles. O Pedro Raul é um jogador que incomoda bastante. A equipe está se comportando bem. Não vejo maiores preocupações quanto a isso".

Sobre Dourado: “Quando cheguei, tive uma conversa com ele. Perguntei o que ele pensava da vida, ele pensou que era a hora de seguir a vida dele. A proposta que eu fiz pra ele foi sair bem, com uma boa imagem. E foi o que ele fez.”

Situação de Wesley Moraes: “Respeito o dia a dia e baseado nisso escolho os jogadores. Não somos o melhor time, temos que ser os mais organizados, os mais disciplinados. Procuro ser justo."

Categorias

Ver todas categorias

Mano deve permanecer em 2023?

Sim

Votar

Não

Votar

173 pessoas já votaram